Já passamos do tempo em que falar outro idioma era sinônimo de diferencial. Hoje é quase obrigação sabermos mais de um idioma, ainda mais para quem trabalha com TI.

Está necessidade torna-se ainda mais importante quando este outro idioma é o Inglês.

  • Porque a importância do Inglês?

Além de ser um idioma global, é através dele que possuímos mais informações, além é claro de termos diversos eventos e palestras apresentados neste idioma.

Quando publicamos algo na Web em Inglês, sem dúvida alguma está será uma forma muito mais fácil de conseguir “consumidores” para está publicação, pelo motivo de ser um idioma Global.

Muitos podem já ter ouvido falar do Livemocha, algum tempo ele era totalmente gratuito, ele possui algumas funções, complementos e produtos que só podem ser acessados quando se paga por tais, mas este pode ser um pontapé inicial para quem está iniciando seus estudos em outro idioma. O Livemocha não é direcionado apenas ao Inglês, de tal forma o mesmo pode ser útil para iniciar os estudos em outros idiomas.

Como funciona o Livemocha?

O Site funciona da seguinte forma. Você terá acesso a uma gama de cursos gratuitos para estudar, basta escolher o idioma que deseja aprender, posteriormente ele irá apresentar na aba Meus Cursos, o(s) curso(s) que você já iniciou você irá realizar algumas atividades, eles utilizam os métodos de áudio, imagem, escrita e leitura, que teoricamente são os métodos mais comuns de se aprender, onde cada pessoa possui mais facilidade em um ou outro.

Após realizar as atividades será necessário realizar uma atividade de fala e outra de escrita, onde você enviara para revisão. Quem irá revisar? Outras pessoas que falam o idioma nativo irão corrigir suas atividades, e estas lhe darão a nota, além de dicas para melhora e assim por diante.

O Curso pode parecer introdutório, mas como dito antes, pode ser um bom pontapé para pessoas que estão iniciando seus estudos no inglês, ou em outro idioma.

http://www.livemocha.com/

Talvez muitos de vocês não conheçam este curso, mas ele é muito bom e profissional.

Como funciona a EnglishTown?

O Curso funciona da seguinte forma. Você terá acesso a um ciclo de estudo, ou seja, você irá iniciar no nível em que você se enquadrar depois de realizar um teste de nivelamento, após isto você poderá iniciar o curso normalmente.

Você terá acesso a níveis diferente, ele é composto por 16 níveis, ele vai do nível 1 – Iniciante, até o 16 – Pós Avançado, em cada nível você possui 8 unidades, cada unidade é dividido em 4 grupos de aprendizagem (Compreensão Auditiva, Leitura, Conversação e Redação), cada grupo possui diversas atividades internas divididas em mais 4 – 6 grupos separados.

No grupo de Redação você irá realizar um texto e enviar para um professor corrigir as atividades, este professor é credenciado e morador de uma das seguintes localidades EUA, Canadá, Austrália ou China, além destas atividades você possui um número de aproximado de 350 aulas durante todo o curso (contrato com duração de 1 ano), de aproximadamente 45 minutos cada para realizar aulas em Grupo, onde vocês realizam atividades ministradas por um professor.

A cada unidade é apresentado um diploma e ao final você pode realizar uma prova credencia pela Universidade de Cambridge.

Este curso é muito profissional e possui uma gama muito maior de exercícios e probabilidade de terminar com o inglês na ponta da língua.

http://www.englishtown.com.br

Experiência: Já tive experiência com ambos os cursos, realizei curso no Livemocha por aproximadamente 1 mês, e já estou fazendo o curso na EnglishTown por mais de 3 meses, caso queira ter uma ideia de como funciona um curso on-line de Inglês, recomendo iniciar pelo curso do Livemocha por ser gratuito, e você poderá ter uma base de como funciona. Mas sem duvida nenhuma o curso da EnglishTown é extremamente profissional e qualificado, caso você se dedique de verdade (de preferencia todos os dias), poderá aprender em 1 ano o que você aprenderia em aproximadamente 4 anos em curso presencial.

Sempre fui adepto aos cursos à distância e tenho aproveitado muito bem este curso, além de estar aprendendo, ganho em tempo, além de poder fazer todos os dias, durante 24 horas por dia.

Espero que estas dicas ajudem você que quer aprender um segundo idioma.

Abraço e até a próxima.

 

Sobre Thiago Batista

Thiago Batista escreveu 63 artigos no blog.

Fundador do Blog Gestão em TI, atuando como Administrador de Redes e um eterno aprendiz.

Tagged with →  
Share →

6 Responses to Inglês – Dicas de Cursos On-line.

  1. Douglas says:

    Eu gosto do englishtown por causa das aulas com alunos e professores de outros países, desse modo você começa a ouvir e entender bem vários sotaques.

    • Além de possuir um excelente método de ensino e aplicação de atividades.
      Possuem as aulas em grupo que nos possibilita compreender melhor outros sotaques, além de podermos interagir com estes outros alunos, gerando uma “transferência de cultura”, o que é muito bacana.
      Obrigado pelo comentário.

  2. Boa tarde Thiago,

    Tambem, nos oferecemos um novo curso de inglês online para TI. 150 horas online, e 50 horas com professor (online) com foco de TI.

    Se alguem tem interesse por favor faz contato comigo, ou se voce gostaria experimentar Thiago me contacto no Skype: kiwinbrazil

    Abcs,
    Robert McCall
    http://www.speakitenglish.com

  3. Raphael says:

    Essa Tassi a??? quer passar para tr???s. O link acima ??? um redirecionador para o link de afiliados dele ou dela do Walmart, e se algu???m que clicou no link comprar no Walmart esse infeliz e trapaceiro lucrar, sobre a pessoa compradora do produto.

    Portanto, caro gestor do site, por gentileza, remova esse coment???rio para n???o criar maiores problemas.

    Abra???os e ???timo post.

  4. Thiago Batista says:

    Obrigado por avisar, o Link j??? foi removido, desculpe qualquer transtorno.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>